Alagoas alcança 1º lugar em ranking de transparência sobre coronavírus no Brasil


O governo de Alagoas sabe que casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave são uma informação-chave para estimar subnotificação, por isso vem atuando de forma colaborativa e inovadora utilizando dados e evidências para apoiar nas melhores soluções para a gestão da crise da pandemia do COVID-19. O governo alagoano propõe a governança adequada para um processo decisório eficiente e com base em dados.

Tudo isso levou Alagoas a alcançar o primeiro lugar entre os estados mais transparentes do Brasil em relação à divulgação de dados sobre a pandemia do novo coronavírus. É o que apontou o último relatório do Índice de Transparência da Covid-19, divulgado nesta quinta-feira (14), pela ONG Open Knowledge Brasil (OKBR).  

De acordo com o levantamento, o estado conseguiu atingir 98 pontos de um total de 100 estabelecidos pela instituição para o ranking. O índice leva em consideração os boletins e informativos epidemiológicos, painéis, relatórios, entre outras publicações de portais de saúde e de órgãos ligados à produção de dados no âmbito da esfera pública.

Responsável pela disponibilização de dados em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), a Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio de Alagoas (Seplag), por meio da Superintendência de Produção da Informação e do Conhecimento (Sinc), monitorou o levantamento para atender aos requisitos estabelecidos e prestar informações cada vez mais completas à sociedade.

"É uma posição muito importante para o nosso Estado e demonstra que o trabalho em busca da transparência é uma prioridade", observa o governador Renan Filho.
O secretário de Saúde, Alexandre Ayres, reforça a importância da transparência nos dados e acesso à informação nesse período crítico de pandemia. "A gestão pública moderna exige que um dos princípios mais importantes seja o princípio da transparência. A gente tem atuado com muito equilíbrio, com muita serenidade, ouvindo a ciência, mas principalmente, priorizando o acesso aos dados", afirma. 

Além do portal Alagoas Contra o Coronavírus, desenvolvido pela Secretaria de Estado da Comunicação, que divulga diariamente informações sobre a situação da pandemia no estado, os alagoanos também passaram a contar com o Painel Covid-19, uma plataforma interativa que reúne diversos dados relacionados ao coronavírus. A ferramenta, que vem recebendo atualizações desde a sua criação, está em formato de dados abertos e conta com mapas, visualização dos dados por município, por bairro, por sexo, por idade, entre outras coisas.  

“O Estado tem feito um movimento gigantesco para atualizar a população alagoana, diariamente, com informações sobre a pandemia do novo coronavírus. É um trabalho bastante minucioso e sobre o qual as equipes técnicas se debruçam com muito afinco para que possamos assegurar cada vez mais qualidade na entrega de dados. Para nós, este é um reconhecimento muito simbólico e que representa o quanto temos nos empenhado em garantir informação atual e segura para ultrapassarmos este momento”, pontua o secretário do Planejamento e Gestão, Fabrício Marques Santos.

Alagoas alcança 1º lugar em ranking de transparência sobre coronavírus no Brasil Alagoas alcança 1º lugar em ranking de transparência sobre coronavírus no Brasil Reviewed by Ednaldo Júnior on 19:28 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade