STF marca julgamento sobre exclusão de Weintraub de inquérito das fake news

Habeas corpus deve ser levado ao plenário no próximo dia 12


O Supremo Tribunal Federal (STF) deve analisar a partir do próximo dia 12, o pedido de habeas corpus para que o ministro da Educação, Abraham Weintraub, seja excluído do inquérito que apura ofensas contra ministros da Corte e disseminação de fake news.
O ministro relator, Edson Fachin, liberou o pedido para julgamento em plenário. No plenário virtual, os ministros têm seis dias para apresentarem seus votos no sistema eletrônico do STF. Caso algum dos ministros solicite "destaque", o caso é puxado para análise no plenário físico.
O ministro da Justiça, André Mendonça, apresentou o habeas corpus após vir a público que Weintraub defendeu a prisão de ministros do STF e os chamou de "vagabundos" na reunião ministerial de 22 de abril. Além de Weintraub, a ação pede que "todos aqueles que tenham sido objeto de diligências e constrições" no inquérito das fake news sejam beneficiados.
STF marca julgamento sobre exclusão de Weintraub de inquérito das fake news STF marca julgamento sobre exclusão de Weintraub de inquérito das fake news Reviewed by Ednaldo Júnior on 13:33 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade