Papa Francisco cita Vinícius de Moraes em encíclica com críticas ao neoliberalismo

 Em um momento do texto, ao falar de como diferentes culturas devem conviver, Francisco fez referência à canção Samba da Bênção


O Papa Francisco, que é argentino, citou o poeta brasileiro Vinícius de Moraes, neste domingo (4), em encíclica sobre a fraternidade.

Em um momento do texto, ao falar de como diferentes culturas devem conviver, Francisco fez referência à canção Samba da Bênção: “A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro na vida”.

O Papa falava sobre incentivar a cultura do encontro, em que todos podem aprender algo e na qual ninguém é inútil. “Isto implica incluir as periferias. Quem vive nelas tem outro ponto de vista, vê aspetos da realidade que não se descobrem a partir dos centros de poder onde se tomam as decisões mais determinantes.”

A encíclica Todos Irmãos, cujo nome foi tirado de um texto de São Francisco de Assis escrito no século 13, dizia que a pandemia de Covid-19 é a última crise a provar que as forças de mercado sozinhas não produziram os benefícios sociais que seus proponentes prometeram.

Nela, o Papa falou sobre assuntos como imigração, a distância entre ricos e pobres, injustiças econômicas e sociais, desequilíbrios na atenção à saúde e o aumento da polarização política em muitos países.

Na encíclica, o Papa fez duras críticas ao neoliberalismo: “O mercado, por si só, não resolve tudo, embora às vezes nos queiram fazer crer neste dogma de fé neoliberal. Trata-se dum pensamento pobre, repetitivo, que propõe sempre as mesmas receitas perante qualquer desafio que surja”.

“O neoliberalismo reproduz-se sempre igual a si mesmo, recorrendo à mágica teoria do ‘derrame’ ou do ‘gotejamento’ –sem a nomear– como única via para resolver os problemas sociais. Não se dá conta de que a suposta redistribuição não resolve a desigualdade, sendo, esta, fonte de novas formas de violência que ameaçam o tecido social”, disse.

O Papa prosseguiu afirmando que “a especulação financeira, tendo a ganância de lucro fácil como objetivo fundamental, continua a fazer estragos”.

O mercado não pode cumprir plenamente a própria função econômica, diz ele, sem formas internas de solidariedade e de confiança mútua.

“E, hoje, foi precisamente esta confiança que veio a faltar. O fim da história não foi como previsto, tendo as receitas dogmáticas da teoria econômica imperante demonstrado que elas mesmas não são infalíveis”, afirmou.


Papa Francisco cita Vinícius de Moraes em encíclica com críticas ao neoliberalismo Papa Francisco cita Vinícius de Moraes em encíclica com críticas ao neoliberalismo Reviewed by Ednaldo Júnior on 08:21 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade