Em novo decreto, prefeitura de Paulo Afonso flexibiliza abertura do comércio

O prefeito Luiz de Deus (PSD) publicou decreto autorizando a reabertura das lojas de Paulo Afonso, Bahia. O texto foi publicado na edição do Diário Oficial do DF, nesta quarta-feira (22/4). Construção civil também está liberada.
De acordo com o documento, o decreto entra em vigor na data de sua publicação, em 22 de abril, ou seja a partir desta quinta-feira, o comércio está autorizado para voltar a funcionar.
Art 2º – “Fica permitido o funcionamento das atividades comerciais de Paulo Afonso no horário das 08h às 14h, de segunda a sábado.”
O acesso aos estabelecimentos comerciais, durante as primeiras duas horas a partir do horário de funcionamento, fica destinado exclusivamente as pessoas que façam parte do grupo de risco.
Só será permitido a circulação ao mesmo tempo de uma pessoa por cada 20 m². É de obrigação do estabelecimento comercial, disponibilizar álcool gel e/ou pia com torneira, sabão liquido e papel toalha destinado a higienização das mãos dos consumidores. ⠀ ⠀
A decisão foi tomada após reunião um grupo de lojistas lidera pelo presidente da CDL, Francisco Maciel. Na semana-passada, houve flexibilização nas medidas de contenção, com a abertura apenas para recebimento de pagamentos.
A decisão do prefeito vai de encontro à declaração do secretário municipal de Saúde, Ghiarone Garibaldi em entrevista hoje à Rádio Angiquinho: “Espero que o nosso prefeito não abra o comércio, porque se abrir o comércio vai ser uma disseminação, mas é uma decisão dele, da nossa parte nós vamos aumentar a fiscalização…”
Pelo decreto continuam a suspensas as atividades de clubes, associações de futebol/babas, associações recreativas, academias, boates, casas de espetáculos e casas de eventos/festas; autoescolas; salas de saúde pública e privada bucal/odontológica, exceto aquelas relacionadas ao atendimento de urgências e emergências; atividades turísticas no Parque Belvedere, no Balneário Abelardo Wanderley, Complexos Hidrelétricos, monumento Touro e a Sucuri; Prainha Ayrton Senna, Prainha do Candeeiro, Bico de Pedra, Prainha Principal; atividades de ecoturismo e passeios de catamarã, atividades em templos religiosos, vedada em todo caso a realização de missas, cultos e afins. Paulo Afonso tem um caso confirmado de Covid-19.
Os restaurantes e distribuidoras de bebidas somente poderão funcionar pelo sistema delivery, vedado em todo caso o atendimento presencial⠀
Em novo decreto, prefeitura de Paulo Afonso flexibiliza abertura do comércio Em novo decreto, prefeitura de Paulo Afonso flexibiliza abertura do comércio Reviewed by Ednaldo Júnior on 15:49 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade