PGR decide apurar conduta de Damares em caso de criança vítima de estupro

 

Reportagem publicada pela Folha indicou que a ministra atuou nos bastidores para impedir aborto em menina de dez anos




A Procuradoria-Geral da República (PGR) decidiu abrir apuração preliminar para averiguar se a ministra Damares Alves (Mulher, Família e dos Direitos Humanos) tem algum envolvimento na mobilização que tentou pedir o aborto em uma criança de dez anos, vítima de estupro no Espírito Santo. O titular da PGR, Augusto Aras, informou sobre o procedimento à ministra Rosa Weber, relatora do caso no Supremo Tribunal Federal (STF), na última sexta-feira (6).

Uma reportagem publicada pela Folha de S.Paulo indicou que a ministra atuou nos bastidores para impedir que a Justiça fosse cumprida no caso da menina. O aborto é considerado legal no Brasil em casos de violência sexual ou risco para a saúde da gestante.

Se houver indícios de crime, um inquérito poderá ser requisitado pela PGR. De acordo com informações do jornal, o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos disse em nota que enxerga o procedimento com “total tranquilidade” e que a pasta tratou o caso com “absoluta transparência e lisura”.

A reportagem que embasou o pedido de parlamentares para investigação de Damares revelou que a pasta passou a realizar chamadas virtuais com conselheiros tutelares do Espírito Santo para obter mais informações sobre o caso da menina, revelado em agosto, e influenciá-los. A operação tinha como objetivo transferir a criança de São Mateus (ES) para um hospital em Jacareí (SP), onde aguardaria a evolução da gestação e teria o bebê.

Damares teria enviado à cidade capixaba representantes do ministério e aliados políticos, para tentar impedir a interrupção da gravidez, oferecendo inclusive benfeitorias ao conselho tutelar local. Pessoas envolvidas no processo também afirmaram que representantes da ministra teriam vazado o nome da criança à extremista Sara Giromini, que o divulgou nas redes sociais. A exposição atenta contra o Estatuto da Criança e do Adolescente.

PGR decide apurar conduta de Damares em caso de criança vítima de estupro PGR decide apurar conduta de Damares em caso de criança vítima de estupro Reviewed by Ednaldo Júnior on 14:55 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade