Rui Costa diz que baianos estão “morrendo desesperados” e faz apelo a Lira por vacina

 Governador da Bahia diz que estado tem 300 pessoas aguardando vaga em leitos de UTI



O governador da Bahia, Rui Costa (PT), chorou durante uma entrevista nesta segunda-feira (1º) ao comentar sobre o avanço da pandemia de Covid-19 no estado.

Durante o Jornal da Manhã, da TV Globo, o governador aproveitou para pedir para a população cumprir as medidas de isolamento social e se emocionou ao falar de um pai que perdeu a filha de 16 anos.

“Essa doença não é como o câncer. É uma doença coletiva. Ou a gente vai ter consciência disso ou não nos livraremos dessa doença. Por ser uma doença coletiva, só vamos nos livrar com comportamento coletivo”, disse o governador.

“Temos que pensar quantas vidas humanas uma bebedeira vale. Quantas vidas humanas você vai ser responsável por ir em uma festa? ‘Ah eu tenho direito de ficar bêbado, de encher bares, de ir para paredão’. Seu direito é superior a dor de mães e pais que perderam filhos? Vi hoje um pai chorando porque perdeu filha de 16 anos, então… é isso…”, completou o governador, com a voz embargada.


A Bahia é um dos estados que sofre com o risco de colapso no sistema de saúde por conta da pandemia. Já são quase 12 mil mortos pelo vírus e 684 mil casos confirmados no estado, sendo que 84% dos leitos de UTI já estão ocupados.

Rui Costa diz que baianos estão “morrendo desesperados” e faz apelo a Lira por vacina Rui Costa diz que baianos estão “morrendo desesperados” e faz apelo a Lira por vacina Reviewed by Ednaldo Júnior on 06:33 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade