Vice-líder flagrado com dinheiro na cueca tentou dificultar operações da PF contra parlamentares

Projeto apresentado por Chico Rodrigues exigia autorização prévia do STF antes de buscas e apreensões


O senador Chico Rodrigues (DEM-RR), flagrado pela Polícia Federal com dinheiro vivo escondido na cueca, já propôs um projeto para dificultar operações da PF contra parlamentares. No texto, ele menciona como exemplo buscas contra o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE).

Em uma proposta de emenda à Constituição de 2019, Rodrigues sugeriu que buscas e apreensões contra parlamentares dentro do Congresso só poderiam ser feitas após autorização da maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). As informações são da revista Época.

O texto acabou arquivado. Além disso, o projeto não impediria Rodrigues de ser alvo da operação desta quarta-feira (14), já que ele estava em casa.

A Polícia Federal fez buscas no dia 19 de setembro no gabinete de Fernando Bezerra. Os agentes buscaram documentos e arquivos digitais no gabinete do senador, na Câmara dos Deputados, e também em cidades como Recife e Petrolina, em Pernambuco, e João Pessoa, na Paraíba.

As denúncias apontavam irregularidades em obras no Nordeste, como a transposição do Rio São Francisco, no período em que Bezerra foi ministro da Integração Nacional, no governo da ex-presidenta Dilma Rousseff (PT).

Vice-líder flagrado com dinheiro na cueca tentou dificultar operações da PF contra parlamentares Vice-líder flagrado com dinheiro na cueca tentou dificultar operações da PF contra parlamentares Reviewed by Ednaldo Júnior on 08:34 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade